"Arquivo"

Mais uma vez vou recorrer ao meu arquivo, não sei se é por estar cansada ou se é mesmo falta de inspiração, o certo é que não me tem saído nada.
Vou publicar este poema " ou seja lá o que for"que já deve ter" cabelos brancos".
Agradecia á minha amiga Poeta, Maria João que me dissesse se há algum nome para estes Poemas com tão poucas sílabas, que como sempre eu escrevi o que estava a sentir.
 
 
 
Amor perdido
              
Passaste por mim
Por ti eu passei
O que aconteceu
Eu mesma não sei
 
Eu vi os teus olhos
Olharem os meus
Eu vi o teu rosto
Defronte do meu
 
Depois em seguida
Não lembro mais nada
E ando na vida
Sonhando  acordada
 
Esse rosto teu
Eu não esqueço mais
Pois disse-te  adeus
Para nunca mais
 
        M-I-P                                        
 








 
publicado por linhaseletras às 00:42
link do post | comentar | favorito