Á procura de mim

Olá! Cá estou eu para vos deixar o poema do dia.

Á procura de mim

Dei por mim a perguntar

Afinal quem eu sou?

O que é que em mim já mudou

Que tanto me faz pensar

Já estou com alguma idade

Já sinto o peso dos anos

Que causaram muitos danos

                               E só deixaram saudade

                                                    

Saudade dos tempos idos

E que não voltarão mais

E deixam muita tristeza

  

Que ocupam os meus sentidos

E dão-me tantos sinais

                                        Nesta vida de incerteza

M-I-P

                                                      

sinto-me: Bem
publicado por linhaseletras às 23:17
link do post | favorito