Véspera de aniversário

 Que linda imagem! Assim seja também o vosso dia, calmo e feliz.
Acabei de escrever um soneto que vou aqui deixar para vós, espero que alguém goste.
                                    
                                 Libertação
                                         
Olha para mim, e diz se me conheces
Serei a mesma, de h à vinte anos atràs?
Aquela, que se dizia incapaz
De fazer frente, a tudo o que tu dissesses
                                   
Quebrei amarras,libertei-me da prisão
Fugi da cela, onde a vida me prendia
Fui à procura, daquilo que eu sabia
Estar guardado, dentro do meu coração
                               
Agora livre, o meu pensamento voa
Para muito longe, descobrir novas paragens
E tràs de volta, sempre novas emoções
                           
Mas o que faço, eu sei não ser à á toa
Perdi o medo, daquelas velhas imagens
Que estão guardadas, e são só recordações
                                    M-I-P                         
  
                                
sinto-me: Liberta
publicado por linhaseletras às 00:49
link do post | favorito