Ditados populares"O saber de um povo"

Numa linda manhã de Primavera Mariana acordou com o Sol a entrar pelo quarto dentro e a beijar o seu rosto ainda ensonado,  como que a dizer-lhe "levanta-te" que o dia está tão bonito que é um desperdício não ires aproveitar.
............Então deu um salto para fora da cama e veio-lhe  á ideia um provérbio que seu Pai dizia quando ela  não se  queria levantar:QUEM MUITO DORME POUCO APRENDE.Talvez por se lembrar desse ditado tão popular,  nesse dia decidiu ir visitar   uma amiga que não via há muito tempo e por as novidades em dia, já sentia saudades da sua amiga Juliana, que conhecia desde o tempo da  Primária.
.........Quando chegou a casa da amiga ficou muito admirada ao vê-la encostada a uma bengala e a andar muito devagar mas a fazer a lida da casa com muita dificuldade.
....Então Juliana o que te aconteceu?Não sabia que estavas assim tão mal, é que nós já há muito tempo que não nos víamos e não houve ninguém que me informasse do teu estado.
Não é nada de muito grave ,mas sabes que o nosso trabalho era muito "puxado" e agora a nossa coluna está a ressentir-se do esforço que fizemos durante tantos anos, mas eu não posso estar quieta e quando vejo as coisas por fazer, mesmo sem poder vou fazendo.
.............Pois é minha amiga lá diz o velho ditado :"MAIS VALE  QUEM QUER DO QUE QUEM PODE"
Então e tu Mariana que é feito de ti?Olha cá vou andando com os meus problemas de sempre mas nunca fazendo muito caso deles, vou -os contornando e vou vivendo á minha maneira não dando ouvidos ao que algumas pessoas dizem, mesmo que haja pessoas a dizerem-me que eu devia fazer isto ou aquilo, por isso eu sigo o que a minha cabeça manda e mais nada ,e lá diz o velho ditado:"TODOS OS CONSELHOS TOMARÁS MAS O TEU NÃO DEIXARÁS"
.....E com esta maneira de pensar tenho-me saído muito bem, vivo a minha vida e deixo os outros viverem a deles  sem me importar com isso seguindo a velha máxima"VIVE E DEIXA VIVER"
Mas sabes eu hoje vinha com a ideia de te convidar a dar um passeio, apanhar um pouco de Sol e talvez depois irmos lanchar a qualquer sitio bem acolhedor como fazíamos quando andávamos  a trabalhar juntas,que é que dizes?Alinhas ou não?
..............Claro que alinho, é só combinar-mos o dia  para  orientar  as minhas tarefas e podermos ficar uma tarde inteira na conversa.E já diz o velho ditado:"A FALAR É QUE A GENTE SE ENTENDE"
Passou uma semana que foi o tempo que a minha amiga precisou para poder tirar uma tarde  aos seus afazeres para a dedicar a nós duas e podermos desfrutar da companhia uma da outra.
Eram 14 horas e já nós estávamos a beber um café , depois fomos dar uma volta para ver as montras ,porque comprar era mais difícil o dinheiro era muito pouco nas nossas carteiras mas o poder ver coisas novas e bonitas já nos punha bem dispostas, mas sempre comprámos qualquer coisa mesmo barata foi apenas uma lembrança que trocámos entre as duas.
Estava na hora do lanche e lá fomos nós á nossa pastelaria preferida eu comi o meu bolo preferido o maravilhoso "pastel de nata" mas a Juliana é um pouco mais gulosa e só o "pastelinho" não lhe chegava e pediu o bolo maior que estava na montra e eu disse-lhe assim :olha que vais ficar gorda a comer dessa maneira, ao que ela me respondeu, não sabes aquele ditado que diz"GORDURA É FORMOSURA"
Durante o nosso lanche fomos falando da nossa vida ,dos filhos e também dos nossos sonhos, foi quando a minha amiga me perguntou.Então essa tua mania de escrever ainda continua? eu disse-lhe que sim e agora com uma agravante, meti na cabeça que tenho de publicar as coisas que escrevo, o que me dizes desta ideia "maluca" depois de velha é que me meti nestas andanças. Ela ficou sem palavras mas ao mesmo tempo ficou contente por eu ter    conseguido dar a volta aquela vida sem graça e sem perspectivas e partir para a concretização do meu sonho.
Acabado o lanche já a tarde ia adiantada saímos da pastelaria felizes por termos passado aquela bela tarde juntas. Despedimo-nos  com um apertado abraço e com a promessa de repetirmos  aqueles momentos o mais breve possível, e com o desejo da minha amiga para que eu conseguisse realizar os meus sonhos e disse-me estas ultimas palavras."MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA" 
 
Texto escrito e ficcionado para a :
 http://fabricadehistorias.blogs.sapo.pt/
publicado por linhaseletras às 22:47
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito