Quarta-feira, 12 de Dezembro De 2007

PAI

Hoje vou falar um pouco do meu PAI,  É um assunto muito delicado, mas muito querido para 

mim. O meu PAI deixou muita saudade, porque partiu muito cedo, deixou muita coisa por fazer

Era um sonhador e um  grande homem ,muito honesto, muito amigo do seu amigo,e pensava

que podia mudar o mundo,talvez por isso Deus o chamou tão cedo

Meu PAI gostava muito de dizer versos, eu lembro-me quando era pequena de o ouvir muitas

vezes , talvez por isso eu tenha ficado com esta herança ,de que muito me orgulho e que cada

dia que passa me dá mais prazer

Ao meu PAI eu vou dedicar estes versos ,esteja ELE onde estiver 

 

 

 

 

Pai poeta

 

 

Meu PAI me deixou de herança

Coisas simples e singelas

Guardo muitas na lembrança

A poesia uma delas 

Lembro o meu PAI a falar

As rimas iam saindo

Brincando a versejar

Falando a sério mas rindo

Eram coisas tão reais

Da vida que ia vivendo

Agora entendo os sinais

E alguns eu vou escrevendo

Décimas Ele chamava

Aos versos que então dizia

Não sabendo que marcava

A minha vida sombria        

                                                    

 

       

 

 

 

Até amanhã se Deus quizer     

publicado por linhaseletras às 23:34
link do post | comentar | favorito

Solidão

Hoje vou falar da solidão , e daquilo que para mim  ela representa.

 

Solidão para mim não é estar só, mas sim estar no meio duma multidão e estar

 

completamente sózinha.

 

Eu adoro estar sózinha , com os meus pensamentos, não tenho medo da solidão,porque

 

consigo preencher esse vazio com os meus poemas com os meus bordados.

 

Os bordados são a minha segunda paixão .Qualquer dia vou mostrar-vos essa minha

 

faceta.Agora vou dar-vos o poema do dia, aqui vai ele

 

 

Amor e solidão

 

No meio da multidão

Sinto-me sempre inquieta

Dou valor á solidão

Só isso me completa

 

O meu silêncio é dourado

 Como dourada é a vida

E nunca ponho de lado

Uma experiência vivida

 

Mesmo não sendo a melhor

A minha vida passada

Continuo a dar valor

E a lutar para ser amada

 

Ser amada e dar Amor

E acreditar nos afectos

E dar imenso valor

Ao carinho dos meus netos   

publicado por linhaseletras às 19:49
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

 

Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
15
17
19
21
24
27
29