Rotina

 
 
 
Rotina
   
 
De rostos fechados e tristonhos,
Seguem a rotina habitual,
Muitos sem saberem que afinal.
Estão fazendo um mundo mais risonho.
 
 
Correm apressados sem ter pressas,
Seguem um destino já traçado,                                                                              
Sem nunca chegar a nenhum lado ,
Porque o mundo está todo ás avessas.
 
Faz-se sem saber o que se faz,
Segue-se o  caminho que é errado,
Sem nunca se encontrar o rumo certo.
 
Muita gente pensa que é capaz,
De pôr ponto final no passado,
Esquece que  ele está ali  tão perto.
 
   M-I-P








publicado por linhaseletras às 01:51
link do post | comentar | favorito