Enredos

Enredos

 

"Reparei nela assim que entrou na sala de espera.Foi o som que primeiro me chamou a atenção, o estalar ritmado e seguro de saltos altos na cerâmica que cobria o chão.Ainda hoje,quando penso nisso ,não consigo perceber como a ouvi chegar"

..............Eu estava com a minha amiga Susana, tinhamos ido a uma consulta de rotina e a espera já estava a ser longa e jánão tinhamos assunto para continuarmos a conversar.

................A chegada dela veio mesmo a calhar, agora sim,íamos ter assunto para o resto da "espera"

Ela era uma mulher muito bonita, até bonita demais e isso dava azo a todo o tipo de especulações.

------Mas não foi só a nós que a chegada dela impressionou!A um canto estavam dois homens e quando a viram nunca mais tiraram os olhos  dela.

Então eu perguntei á minha amiga se ela conhecia aquela jovem, ao que ela me respondeu que não a conhecia muito bem, mas já tinha ouvido falar dela lá na rua onde morava.

Parece que ela não é de cá, mas tem cá uma tia e por motivos desconhecidos veio cá passar uns tempos.

............Será  que ela esconde algum segredo?

É capaz de ser isso mesmo, as pessoas quando querem esconder algo saem da terra onde todas as pessoas as conhecem e vão para um sitio desconhecido para viverem o seu segredo em paz.

----Não digas disparates Susana, tu nem a conheces, como podes estar a tirar conclusões dessas.

--------------------OK! Posso não a conhecer como dizes mas cheira-me que aqui há"Gato"

Já reparaste como aqueles "tipos" estão a olhar para ela?Esta hora até a conhecem e estão a disfarçar. Ou terão algum segredo os três?

Caramba! Tu só te sente bem a inventar coisas sobre as outras pessoas, deixa a rapariga em paz, sabe Deus os problemas que ela tem, mas seja o que for não nos diz respeito a nós.

Mas já reparaste nos sapatos que ela tem?São lindos de" morrer" foram eles que chamaram a nossa atenção, deve ser o truque que ela usa para se fazer notar.

O que será que ela tem?Estará grávida? Será que é de algum daqueles que não tira os olhos dela?

----Sabes o que eu chamo a isso?"Fofoquices" meter o nariz onde não se deve, e ás vezes isso trás problemas e arranjam-se"enredos" por isso vamos deixar a vida da jovem em paz.

-Olha parece que está  quase na  hora de sermos chamadas, toma atenção para não ficarmos para o fim.

E agora deixamos de a ver e não vamos saber o que se passa com ela.

Mas isso também não interessa, pois não?

Está bem, ganhaste, vamos á nossa vida porque o resto não interessa.

 

 Texto escrito para :http://fabricadehistorias.blogs.sapo.pt/

publicado por linhaseletras às 01:09
link do post | comentar | favorito